Páginas

Seja Bem Vindo!

"A finalidade da arte é dar corpo à essência secreta das coisas, não é copiar sua aparência. (Aristóteles)






sábado, 22 de maio de 2010

AGENDA CULTURAL - JOSÉ & CIA É HOJE

Hoje, 22 de maio, não deixe de assistir a finalização da Oficina Teatral organizada pelo Grupo. Venha conferir o espetáculo José & Cia e outras apresentações curtas, a partir das 20h, na Casa de Cultura(Atrás do Sesc), entrada franca. E por falar em Sesc, dia 24 de maio, às 19 horas, na quadra do Sesc haverá uma apresentação do Grupo Tempus, o espetáculo O Morto Vivo, a entrada será um litro de leite de caixinha. E para encerrar o mês de maio, dia 29, será a inauguração do novo espaço cultural de Vilhena, o espaço JK, na Galeria da Capra, sala 207.
Para iniciar o Mês de junho bem, venha assistir a estreia do novo espetáculo do Grupo Wankabuki, Severina dia 05 de junho, na Casa de Cultura, às 20:30h, ingressos fazer contato pelo nosso e-mail.
E também no mês de junho, acontece mais uma edição da Noite da Seresta, desta vez o homenageado será o cantor e compositor Adoniran Barbosa. Dia 18 de junho, no espaço da Choperia Haus Beer, após às 21h, muita música boa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente as nossas postagens, participe do blog!

Obrigado por visitar a página!

O grupo de Teatro Wankabuki surgiu na Universidade Federal de Rondônia, em agosto de 2003, começaram as reuniões aos sábados no auditório da Unir.O primeiro espetáculo montado pelo grupo foi Morte e Vida Severina uma adaptação do texto de João Cabral de Melo e Neto, feita por Luiz Antônio de Araújo.Em seguida, o grupo montou A Lenda da Ecologia texto do Prof. Oswaldo Gomes que estreou em 20 de julho de 2005. A peça participou do Festival de Teatro Coração de Rondônia, no município de Ji-paraná em agosto desse ano.Em 2006 são montados mais dois espetáculos: Vai, Carlos! Ser Gauche na vida que estréia em 07 de abril e Tragédia no lar apresentado pela primeira vez na escola Wilson Camargo para os alunos do período noturno. Os dois espetáculos são adaptações das poesias, respectivamente, de Carlos Drummond de Andrade e Castro Alves. Em 2009, estreia Perdidos na Floresta texto de Antero de Sales e o grupo inicia os trabalhos para se institucionalizar, em janeiro de 2010, o grupo de Teatro Wankabuki consegue seu registro, com a Razão social de ATEW - Associação de Teatro e Educação Wankabuki.







Quem sou eu

Minha foto
Lacunas que a vida não completa, são como obras esperando ser escritas, preenchidas...